Visita à DECM dos dirigentes da Federação dos Antigos Estudantes das Escolas Católicas de Macau em Taiwan e da Federação dos Estudantes de Hong Kong e Macau em Taiwan
14-09-2012  DECM

A Dra. Leong Kit Chi, coordenadora da Delegação Económica e Cultural de Macau em Taiwan (DECM) teve um encontro com mais de 11 dirigentes da Federação dos Estudantes de Hong Kong e Macau em Taiwan e da Federação dos Antigos Estudantes das Escolas Católicas de Macau em Taiwan. Durante o encontro, a coordenadora ouviu o balanço feito acerca das actividades realizadas neste ano lectivo, tomou conhecimento da situação da vivência e aprendizagem dos caloiros e deu a sua opinião sobre os planos para o próximo ano.

O presidente da Federação dos Estudantes de Hong Kong e Macau em Taiwan, Sr. Wong Weng Fat e o vogal da Direcção dos Assuntos da Zona Norte e Presidente da Federação dos Antigos Estudantes das Escolas Católicas de Macau em Taiwan, Sr. Leong Sio Hong fizeram, respectivamente, um balanço acerca dos planos das actividades, da situação da estadia dos caloiros e dos problemas encontrados em Taiwan, e esperam que a Delegação possa continuar a organizar mais actividades que visa unir os estudantes de Macau em Taiwan, dando-lhes mais carinho.

A coordenadora Leong Kit Chi relatou que uma das competências da DECM é assegurar a prestação de serviços e apoio aos residentes de Macau que se encontram a trabalhar, estudar, viajar, desenvolver actividades comerciais ou residir em Taiwan. Actualmente, cerca de 4500 estudantes de Macau encontram-se em situação de aprendizagem em Taiwan, sendo destinatários dos serviços da DECM, nomeadamente os caloiros. A coordenadora espera que através da cooperação com as Federações, possa ajudar os caloiros, quando mais cedo possível, a adaptarem-se à vida em Taiwan, valorizando ao mesmo tempo, esta oportunidade de estudo em Taiwan.

A coordenadora Leong Kit Chi elaborou com os dirigentes das duas Federações, o plano preliminar de trabalho para o ano lectivo, para além dos encontros periódicos, planeará também visitar, em meados ou finais de Outubro, a divisão dos estudantes chineses ultramarinos do programa preparatório da Universidade Normal de Taiwan, que tem o maior número de caloiros de Macau, esperam que através desta visita, possa conhecer melhor os problemas enfrentados pelos caloiros e por conseguinte, prestar os devidos apoios e manifestar a atenção da DECM.

Para além da visita à referida Universidade, os dirigentes das duas Federações referiram também que hoje em dia, muitos estudantes de Macau foram colocados em universidades que ficam nos arredores, as quais não têm muitos estudantes oriundos de Hong Kong e Macau, pelo que, quando comparando com outras zonas urbanas onde também existem alunos, torna-se mais difícil para aqueles estudantes se adaptarem à vida em Taiwan. A coordenadora Leong Kit Chi sugeriu organizar uma delegação com as duas Federações a fim de fazer uma visita a estas universidades que ficam nas zonas mais afastadas, oferecendo-lhes todo o apoio e carinho.